Marcelo M. Guimarães

  
 
Início seta Vencendo Preconceitos
VENCENDO OS PRECONCEITOS Imprimir E-mail

Ainda há em nosso meio certo tipo de resistência quando abordamos o tema espiritualidade. Muitos crêem que este tipo de assunto é puramente pessoal e que nunca deveria ser tratado coletivamente.. Mas, aos poucos, essa situação tem mudado, pois principalmente dirigentes de empresas, percebem que há ganho e melhoria de resultados entre seus colaboradores e funcionários quando há um espaço e liberdade para abordar o tema espiritualidade. Eles se sentem mais felizes e seguros quando sua espiritualidade é respeitada e valorizada pela empresa.

Vivemos num país com uma população praticamente cristã (~90%), incluindo católicos, protestantes, evangélicos e outros que têm ramificações segundo o próprio entendimento da bíblia.

Isto é, se tomamos uma amostragem dentro de qualquer empresa, esta probabilidade de 90% estará provavelmente presente, pois reflete, no geral, a mesma proporção encontrada em nosso país. Então, porque ignorar os valores espirituais cristãos?  Se tivéssemos um percentual de 10% ao invés de 90% talvez justificaria ignorar tal fato.

Por que é considerado muitas vezes estranho falar da fé, do amor, do perdão e de outras tantas virtudes tão mencionadas na Bíblia?

Mesmo para aqueles que não crêem que a bíblia foi inspirada por Deus, é inegável que ela contém princípios sábios e verdadeiros, como o ato de perdoar, a caridade, a compaixão, a paciência, a tolerância e amor ao próximo.

 “Não julgueis e não sereis julgados..." (o mestre Jesus).

 
© 2017 Engenharia Espiritual
Joomla! é um software livre disponibilizado sob licença GNU/GPL.